Siga a gente
  • Instagram - White Circle
  • Facebook - White Circle
Buscar
  • Claudia Prieto Neisa

Brinquedos Educativos X Brinquedos Tecnológicos


Semana mais que apropriada para abordarmos esse assunto, como encontrar o equilíbrio entre os inúmeros tipos de brinquedos que o mercado oferece para nossos pequenos, especialmente através da "enxurrada" de comerciais de tv que eles assistem (e inacreditavelmente se lembram de cada detalhe desses poucos segundos de propaganda que cada marca expõe ali) né?!

Quem nos acompanha aqui no blog já notou que com os gêmeos eu busco muito o equilíbrio e a variedade na hora do brincar, vocês já sabem que eles tem verdadeiro fascínio por criar (com a famosa caixa de projetos) e se orgulham muito disso

(eu também, claro) e essa sempre foi uma preocupação, oferecer em cada idade os brinquedos adequados para o momento porque eles se dispersam com muita facilidade então, se for complexo demais ou fácil demais para aquele momento, a brincadeira perde a graça e se desinteressam rapidamente.

A exposição ao universo dos brinquedos tecnológicos é cada vez maior e natural nas famílias, o que é muito bom, pois como já falamos recentemente no post https://www.cakebabybr.com/single-post/2017/09/06/Gera%C3%A7%C3%A3o-Alpha---Como-Estamos-Lidando nossos pequenos são da geração alpha e por consequência muito antenados com tudo que acontece ao seu redor e questionam tudo, se interessam e de fato mandam super bem em tudo que se refere à tecnologia e isso é um gigante ganho e avanço com relação à nós especialmente quando são acompanhados pelos pais para um direcionamento ao o que é apropriado àquela idade ou não.

Agora, acredito também que o acesso aos brinquedos chamados "educativos" podem oferecer muita autonomia, desenvolver e potencializar habilidades riquíssimas para a vida das crianças, "No universo infantil, as brincadeiras são ferramentas por excelência que atuam ludicamente no processo do desenvolvimento de várias habilidades como raciocínio, atenção, memória, capacidade de se relacionar com outras crianças e tudo mais que a imaginação dos pequenos permitir", afirma a educadora Andrea Alves.

E quando você encontra um local que te oferece absolutamente todas as possibilidades com tanta variedade, o sentimento é de "acolhimento", assim como, "alguém está preocupado com a diversidade que posso apresentar ao meu filho" e já falei inúmeras vezes pra vocês que esse lugar tem nome e endereço né? https://www.facebook.com/oitopeia/ fico encantada cada vez que vou até lá, porque simplesmente além de todos os brinquedos convencionais eu encontro um universo gigantesco de brinquedos da minha infância, ou ainda uma linha muito legal da marca https://www.alegriasembateria.com.br/ que oferece às crianças a possibilidade de fazer seu próprio brinquedo e outras com objetivos de estímulo ao conhecimento de robótica, química, física que meus pequenos sequem tem ideia de que isso um dia fará farte da vida acadêmica deles e brincando podem ter acesso à toda essa riqueza e verem com muito mais "simpatia" quando o assunto sair da brincadeira e for sério. É ou não é pra enlouquecer de amor por esse lugar?!

Estivemos à alguns dias no http://www.morumbishopping.com.br e os gêmeos se surpreenderam com o evento que está sendo oferecido lá pela Semana da Criança, em parceria com o MundoMaker, o evento tem 10 estações que misturam o uso de equipamentos de tecnologia e ferramentas manuais, mesclando robótica e marcenaria, vocês não podem imaginar o sucesso que foi, e sai de lá refletindo o quanto o mundo está mudando de fato, o quanto as possibilidades estão se expandindo para nossas crianças, basta que tenham acesso e a criatividade e habilidades deles não terão limites.

BRINQUEDOS IDEAIS PARA CADA IDADE

Até 9 meses - é a fase em que as crianças vão, pouco a pouco, descobrindo a cor, o som e a forma das coisas. Os brinquedos devem ser leves, resistentes, sem quinas ou pontas, antialérgicos, ter sons agradáveis e não soltar tinta.

Dos 9 aos 12 meses - as crianças que engatinham gostam de pegar tudo que vêem. Aproveite essa fase para que elas conheçam diferentes materiais, oferecendo objetos de tecido, borracha, plástico, madeira.

1 ano - as habilidades manuais e corporais devem ser desenvolvidas. Pode-se dar às crianças brinquedos de encaixe, abre-fecha, de empurrar ou que estimulem a coordenação motora das mãos: pegar, apertar, arremessar.

2 anos - aproveite as habilidades manuais já desenvolvidas e a curiosidade própria dessa fase para oferecer brinquedos que possibilitem múltiplas combinações (jogos com peças de montar).

De 3 a 5 anos - é a época do "faz-de-conta". Opte por brinquedos que estimulem a fantasia e a criatividade das crianças, como bonecos, fantoches, livros de história, tudo que permita a dramatização do que vêem no dia a dia.

Este é um publipost

OITOPEIA BRINQUEDOS

Av. Comendador Vicente de Paulo Penido, 524

Tel: (12) 3911-3207

Parque Residencial Aquarius

São José dos Campos - SP

#Semanadacriança #diadascrianças #brinquedos #brinquedoseducativos #brinquedostecnológicos #brincar #filhos #maternidade #geraçãoalpha #mãedegêmeos #oitopeia #lojadebrinquedos #sãojosédoscampos #sjc #sjcampos

72 visualizações